Victor R Caivano/AP
Victor R Caivano/AP

Espanhol Barreda surpreende nas motos e vence no 1.º dia do Rali Dacar

Entre os carros, quem se deu melhor foi o português Carlos Souza

AE, Agência Estado

05 de janeiro de 2014 | 18h13

SAN LUÍS, ARGENTINA - A edição de 2014 do Rali Dacar começou com uma surpresa na disputa entre as motos. Neste domingo, o espanhol Joan Barreda Bort superou a concorrência dos principais nomes da disputa e venceu a primeira das 13 etapas previstas, realizada na Argentina, entre as cidade de Rosário e San Luís.

Barreda completou os 180 quilômetros cronometrados com um tempo total de 2h25min31. Assim, ficou à frente do espanhol Marc Coma, vice-campeão do Dacar no ano passado, que foi 37 segundos mais lento e assegurou o segundo lugar. Já o francês Cyril Despres, atual campeão do rali, foi o terceiro, a 1min40 do vencedor.

O também francês Alain Duclós ficou na quarta colocação, enquanto o português Paulo Gonçalves completou as cinco primeiras posições. O brasileiro Jean Azevedo terminou o primeiro dia do Dacar em 25º lugar, a 10min41 do vencedor, e Dario Julio foi o 29.º, com uma desvantagem de 11min47 para Barreda.

Entre os carros, houve muito equilíbrio neste primeiro dia do Dacar, com os três primeiros colocados separados por apenas 47 segundos. E quem se deu melhor foi o português Carlos Souza, com um tempo total de 2h20min36. Assim, ele completou a primeira etapa apenas 11 segundos mais rápido do que o argentino Orlando Terranova, o segundo colocado.

O catariano Nasser Al-Attiyah foi o terceiro colocado e os espanhóis Nani Roma, a 1min15, e Carlos Sainz, a 4min03, completaram as cinco primeiras colocações entre os carros. Guilherme Spinelli foi o melhor brasileiro, em 14.º lugar, a 9min48, enquanto Reinaldo Varela, foi o 21.º, sendo 12min15 mais lento do que Souza.

A segunda etapa do Rali Dacar será disputada nesta segunda-feira, com diferentes trechos cronometrados para as categorias, entre as cidades argentinas de San Luís e San Rafael. Os carros vão percorrer 433 quilômetros, enquanto as motos apenas 359. A edição de 2014 do rali será encerrada no dia 18 de janeiro, com a chegada na cidade chilena de Valparaíso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.