Espanhol vence e Froome segue com liderança confortável na Volta da França

O britânico Chris Froome manteve intacta a sua vantagem na liderança da Volta da França após uma exigente 12ª etapa da Volta da França, realizada nesta quinta-feira em um percurso de 195 quilômetros, de alta montanha entre Lannemezan e Plateau de Beille, e vencida pelo espanhol Joaquim Rodriguez com um tempo total de 5h40min14.

Estadão Conteúdo

16 de julho de 2015 | 14h08

Além das dificuldades impostas por uma etapa com quatro montanhas e uma subida com 7,9% de inclinação nos 15 quilômetros finais, os ciclistas ainda tiveram a dificuldade adicional de competirem sob chuva. Rodriguez foi quem se deu melhor diante das adversidades, assumindo a dianteira a pouco mais de 7 quilômetros do fim, sem depois ter a sua vitória ameaçada.

Esta foi a terceira vitória do espanhol em uma etapa da Volta da França, sendo a segunda neste ano, em que já havia sido o melhor do terceiro estágio. Dessa vez, ele foi seguido pelo dinamarquês Jakob Denfulsang, a 1 minuto e 12 segundos, e pelo francês, Romain Bardet, a 1min49, segundo e terceiro colocado, respectivamente.

Froome ficou apenas em décimo lugar na 12ª etapa da Volta da França, a 6min47 do vencedor, mas o resultado foi suficiente para que ele permaneça na liderança folgada, pois o britânico não terminou o dia atrás de nenhum dos principais concorrentes ao título.

O colombiano Nairo Quintana (11º colocado), o norte-americano Tejay Van Garderen (13º), o espanhol Alberto Contador (14º) e o italiano Vincenzo Nibali (16º) terminaram o estágio com o mesmo tempo de Froome. Assim, a classificação geral não sofreu grande alterações.

Com um tempo total de 46h50min32, Froome ocupa a liderança com uma vantagem de 2min52 para Van Garderen, o segundo colocado, e de 3min09 para Quintana, o terceiro. Contador é o sexto, a 4min04, e Nibali está em nono lugar, a 7min47.

Além da camiseta amarela, destinada ao primeiro colocado na classificação geral, Froome segue com a branca com bolinhas vermelhas, do melhor montanhistas, com nove pontos a mais do que Rodriguez - 61 a 52.

A camisa verde, dada ao líder por pontos, permanece com o eslovaco Peter Sagan, com dois pontos de vantagem - 254 a 252 - para o alemão André Greipel. Já Quintana segue sendo o dono da camisa branca, destinada ao melhor atleta jovem, com 6min34 de vantagem para o francês Warren Garguil.

A 13ª etapa da Volta da França vai ser disputada nesta sexta-feira, com um trecho de 198,5 quilômetros de média montanha entre as cidades de Mouret e Rodez.

LANCE ARMSTRONG - Banido do esporte após a descoberta de um escândalo de doping em 2012, o norte-americano Lance Armstrong "deu as caras" na Volta da França nesta quinta, participando do projeto de uma associação que luta contra a leucemia denominado "A Volta, Um Dia Antes" em que percorre trechos da prova para arrecadar recursos para ajudar no combate à doença. Campeão entre 1998 e 2005 da prova, o norte-americano teve seus títulos retirados após a descoberta do seu esquema de doping.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.