Esquiva Falcão vence por nocaute técnico e segue com cartel invicto

Medalhista de prata na Olimpíada de Londres nocauteia norte-americano Austin Marcum no segundo round e chega a 5ª vitória

Estadão Conteúdo

04 de outubro de 2014 | 22h29

Esquiva Falcão fez mais uma vítima neste sábado. Lutando nos Estados Unidos, o medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de Londres venceu o local Austin Marcum por nocaute técnico no segundo round, confirmando o cartel invicto desde que se tornou profissional. Já são cinco lutas e cinco vitórias.

O rival deste sábado, porém, não tem grande cartel, com 13 lutas (contando a desta noite), seis vitórias, seis derrotas e um empate. Foi escolhido pelos empresários de Esquiva exatamente porque não ofereceria grande resistência, ajudando o brasileiro, porém, a ganhar experiência.

Se no primeiro round a luta foi estudada, com Marcum mais agressivo, no segundo assalto Esquiva partiu para cima do rival e não demorou a vencer. No primeiro minuto, derrubou o norte-americano com um direto no queixo. Marcum até levantou, para ser castigado por Esquiva até que o árbitro encerrasse a luta por nocaute técnico.

Em 6 de dezembro, Esquiva fará a última apresentação do ano, em Phoenix, no Arizona. A expectativa é que seu imrão Yamaguchi Falcão lute 15 de novembro, muito provavelmente em Vitória, no Espírito Santo. Os dois irmãos ainda não aparecem nos rankings das principais entidades do boxe mundial.

Tudo o que sabemos sobre:
boxeEsquiva Falcão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.