Eurico é acusado de se beneficiar do clube

A convocação para uma reunião extraordinária, hoje, em São Januário, arquitetada pela oposição do Vasco, liderada por Eurico Miranda, pode ser um tiro pela culatra. Eurico é acusado por José Henrique Coelho, ex-vice de marketing, de utilizar dinheiro do clube para fins pessoais - compra de carro e edição de um livro. O Estado não conseguiu contato com Eurico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.