Ex-agente da MSI atrapalha contratação de Cleber

Corinthians descobre que Renato Duprat teria participação na transação com a Ponte Preta e adia a chegada do zagueiro

VÍTOR MARQUES, O Estado de S.Paulo

13 de julho de 2013 | 02h06

A negociação do zagueiro Cleber, da Ponte Preta, com o Corinthians por pouco não fracassou por causa da participação de um fundo de investimento ligado a Renato Duprat, empresário que tinha ligações com a MSI - agência do iraniano Kia Joorabchian que teve uma polêmica parceria com o clube.

Esse fundo compraria 60% dos direitos econômicos de Cleber, avaliado em R$ 8 milhões. O Corinthians ficaria com outros 20%, e os outros 20% continuariam nas mãos do atleta. A transferência já deveria ter sido concretizada.

Quando o Corinthians soube que o fundo era ligado a Duprat, o negócio travou, explicou o diretor de futebol Roberto de Andrade. "Tivemos essa surpresa desagradável, não gostamos de coisas nebulosas e saímos do negócio", disse Roberto.

Como solução o Corinthians procurou outro parceiro, disposto a comprar os 60% do atleta, a mesma parte que seria adquirida pela empresa ligada a Duprat. Provavelmente o novo parceiro será a DIS. "Por isso houve essa demora, passaram-se semanas e começaram a vir como umas exigências descabidas. Renato Duprat não existe aqui", completou.

Cleber já está apalavrado com o Corinthians. Ele fez exames médicos e foi aprovado, mas não assinou contrato. O zagueiro se desligou da Ponte e treina numa academia em Campinas para manter a forma. Segundo Roberto de Andrade, o negócio, com esse novo parceiro, será fechado na próxima semana.

A vinda de Cleber deve ser a última aquisição do Corinthians até o final desta temporada. Roberto de Andrade negou que o clube esteja procurando um lateral-direito.

Quanto a Emerson, o dirigente disse que ainda não recebeu nenhum contato do Flamengo ou de outro clube. "Se o Flamengo quiser contratá-lo sem gastar nada terá de esperar até o final do ano, que é quando termina o contrato dele com o Corinthians", afirmou.

Time. Tite disse que Ibson deve começar o jogo amanhã contra o Atlético-MG na função de meia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.