Marty Lederhandler/AP - 3/11/1994
Marty Lederhandler/AP - 3/11/1994

Ex-atleta Grete Waitz morre aos 57 anos na Noruega

Ela venceu nove vezes a maratona de Nova York e faturou a prata na prova olímpica de 1984

AE, Agência Estado

19 de abril de 2011 | 10h47

Grete Waitz, que venceu nove vezes a maratona de Nova York e faturou a medalha de prata na maratona olímpica de 1984, morreu nesta terça-feira, depois de uma luta de seis anos contra um câncer, informou a Federação de Atletismo da Noruega. Ela tinha 57 anos.

A norueguesa estava internada no hospital da Universidade de Ulleval, na cidade de Oslo. Waitz ganhou a maratona de Nova York pela primeira vez em 1978, estabelecendo um recorde mundial de 2 horas, 32 minutos e 30 segundos. A atleta triunfou outras oito vezes, com a sua última conquista tendo ocorrido em 1988.

Ela venceu a maratona de Londres duas vezes, em 1983 e 1986, a maratona de Estocolmo em 1988 e ganhou cinco títulos do campeonato mundial de cross-country. Waitz também ganhou a medalha de ouro na maratona no Mundial de 1983 em Helsinque, na Finlândia. Um ano depois, ela ficou em segundo lugar, atrás de Joan Benoit, na primeira maratona olímpica para mulheres.

Waitz também competiu nos Jogos Olímpicos de 1972 e 1976 nos 1,5 mil metros, mas ficou fora da Olimpíada de 1980, em Moscou, devido ao boicote liderada pelos Estados Unidos. Ela ainda detém os recordes noruegueses nos 1,5 mil e 3 mil metros.

Tudo o que sabemos sobre:
atletismoGrete Waitzmorte

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.