Excesso de treino pode moer o corpo

O caçula na memorável conquista do vôlei brasileiro - até hoje, a única medalha de ouro olímpica do País em um esporte coletivo - era Marcelo Negrão, aos 19 anos, 1,98 m de altura, uma ´´mola humana´´que alcançava a bola no ataque a 3,60 m, com uma velocidade espantosa - ao retornar ao solo o impacto sobre as pernas do atleta era de 900 quilos. Foi um saque de Negrão que deu ao Brasil o último ponto da final contra a Holanda, em 1992. O jovem prodígio para o esporte construiu uma carreira de sucesso, mas não ficou imune às lesões. O fortalecimento muscular não livra o atleta dos problemas causados pelo excesso de uso. Leia mais no Estadão

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.