Phillippe Fitte/Divulgação
Phillippe Fitte/Divulgação

Fabiana Murer pensa em se aposentar após a Olimpíada do Rio

'Será uma boa oportunidade para deixar o atletismo', resume a saltadora, que segue os treinos

Efe

20 de novembro de 2010 | 15h55

MONTECARLO - A brasileira Fabiana Murer, campeã mundial de salto com vara em pista coberta, afirmou neste sábado que prolongará sua carreira até os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016 e disse que, em 2011, espera superar os 5 metros.

O fato dos Jogos Olímpicos serem realizados no Brasil daqui a seis anos, facilitaram os planos de aposentadoria da saltadora. "Será uma boa oportunidade para deixar o atletismo", afirmou.

Murer reconheceu que, no Brasil "não há muitas instalações para treinar", mas está convencida de que "os Jogos do Rio contribuirão para melhorar".

Fabiana também falou sobre a marca dos cinco metros. Se a brasileira conseguir ultrapassá-la, se tornará a segunda atleta da história a passar por essa barreira, até hoje só acessível à russa Yelena Isinbayeva.

"Não sei se conseguirei neste ano ou quanto tempo vou demorar, mas estou trabalhando para saltar cinco metros", disse Murer.

A atleta reconheceu que não esperava um ano tão bem-sucedido, no qual conquistou o título mundial indoor, em Doha, aproveitando o fracasso de Isinbayeva, e ganhou a Liga de Diamante.

"Não esperava um ano tão bom, mas já trabalho para 2011, que vai ser muito duro. Terei que melhorar minha técnica e minha velocidade", finalizou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.