Falcão pode pegar até 6 meses de suspensão por jogar amistoso

Astro da seleção brasileira de futsal vai ser julgado por ter atuado pelo Corinthians irregularmente

Agência Estado,

21 de fevereiro de 2008 | 18h32

O craque Falcão, uma das maiores estrelas do futsal mundial, será julgado por ter disputado um amistoso beneficente com a camisa do Corinthians, em novembro do ano passado, e pode ser suspenso por até seis meses. O evento foi no Parque São Jorge, num jogo contra o Pinocho, da Argentina, pela campanha "Futsal: um sonho olímpico". Falcão joga no Malwee/Jaraguá do Sul, e a Confederação Brasileira de Futsal (CBFS) o denunciou porque ele deveria ter cumprido os trâmites legais de transferência para jogar por outro clube, ainda que se tratasse de um amistoso. Ele será julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva do futsal e pode pegar de 30 a 180 dias de suspensão. "Eu participei do evento querendo fazer um bem ao nosso esporte. Não imaginei que as coisas tomariam este rumo e repercutiriam mal, mas ainda acredito no bom senso e espero não sofrer punição", disse o ala, que está na Eslovênia disputando amistosos pela seleção brasileira. O julgamento será realizado na primeira semana de março, em Fortaleza.

Tudo o que sabemos sobre:
FutsalFalcãoCorinthians

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.