Fãs revoltados queimam camisas de Van Persie

Os torcedores do Arsenal estão enfurecidos com o holandês Robin van Persie, que trocou as cores do clube londrino pelas do Manchester United. Revoltados, os fãs queimaram as camisas com os números 10 e 11 às costas em público e colocaram vídeos e fotos nas redes sociais.

O Estado de S.Paulo

17 de agosto de 2012 | 03h05

Van Persie era a grande estrela do Arsenal e o maior ídolo da torcida Gunner. Os torcedores não esquecem que o jogador havia feito juras de amor ao Arsenal e dito que nunca defenderia outro time na Inglaterra. O atacante foi contratado na quarta-feira por £ 24 milhões (cerca de R$ 75 milhões). O holandês de 29 anos marcou 37 gols na temporada passada pelo Arsenal, que ficou em terceiro no Campeonato Inglês e chegou às oitavas de final da Copa dos Campeões.

Segundo o treinador do Arsenal, Arsène Wenger, não havia como segurar o jogador. "Não tínhamos escolha." Como Van Persie tinha apenas mais um ano de contrato, o clube podia vendê-lo agora ou vê-lo ficar mais uma temporada, para acabar saindo de graça em 2013. Diante desse cenário, fechou negócio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.