Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Favoritos vencem na Salonpas Cup

A atração da Salonpas Cup, torneio interclubes feminino de vôlei que começou ontem no Ginásio do Ibirapuera, foi a estréia de Bernardinho como técnico da Rexona/Ades, do Rio de Janeiro. O time comandado pelo técnico da Seleção Brasileira Masculina passou pela renovada MRV/Minas por 3 a 1, com 25/21, 25/10, 24/26 e 25/17.Apesar da vitória, o treinador não se sentiu satisfeito: "Não foi uma boa estréia minha. O time não está entrosado, ainda temos muito a trabalhar. Fiquei tenso, certamente não ajudei muito as meninas porque não estava conseguindo passar as melhores instruções para elas.Definitivamente, não foi uma volta de gala." A levantadora Fernanda Venturini, mulher de Bernardinho, discordou: "Foi um bom jogo. Estamos treinando apenas há 15 dias e a MRV já vinha entrosada. Temos muito trabalho a fazer, mas foi um bom jogo, sim." Na partida que abriu a competição, nenhuma surpresa: a Finasa/Osasco, que busca o tricampeonato, passou fácil pelo Club de Regatas Lima, do Peru, por 3 sets a 0, com parciais de 25/9, 25/17 e 25/08.José Roberto Guimarães, técnico da Finasa, analisou: "Fiquei contente com a postura geral do grupo, que jogou com seriedade e eficiência, principalmente nos contra-ataques." Para os próximos jogos, Zé Roberto pede cautela ao time. "A tendência a partir de agora é de termos jogos mais difíceis. O time alemão, por exemplo, é mais experiente e vai exigir mais." Candidato ao título, o Havana Club faz hoje sua estréia na competição diante do Club de Regatas Lima, às 11h. Na seqüência, às 13h, jogam Finasa/Osasco e USC/Münter, da Alemanha. Os dois jogos terão transmissão da Bandsports.

Agencia Estado,

02 de outubro de 2004 | 19h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.