Federação favorece a Suíça, que poderá enfrentar brasileiros

A Federação Internacional de Tênis (ITF) deu um empurrãozinho para a Suíça voltar ao Grupo Mundial da Copa Davis. Ao atualizar seu novo ranking (que agrega resultados dos últimos quatro anos), colocou o país entre os oito cabeças de chave para o sorteio da repescagem - a Romênia, que estava na lista até domingo, ficou de fora. Agora o Brasil, que passou com facilidade pelo Uruguai (5 a 0), em Montevidéu, pode vir a ter de enfrentar a temida equipe de Roger Federer. África do Sul, Austrália, Áustria, Bélgica, Brasil, Canadá, Chile, Croácia. Índia, Israel, Itália, Japão, República Checa, Romênia, Rússia e Suíça brigarão pelas vagas no Grupo Mundial da próxima temporada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.