Federer imbatível na Masters Cup de Londres

LONDRES

, O Estado de S.Paulo

26 de novembro de 2010 | 00h00

Roger Federer mostrou ontem que não está para brincadeira, mesmo que a sua temporada esteja a apenas três dias do fim. O suíço precisava vencer apenas um set diante de Robin Soderling para se classificar pela oitava vez em nove participações às semifinais da Masters Cup. Fez bem mais. Levou a partida de forma incontestável - 7/6 (7/5) e 6/3 - e ainda não deixou escapar nenhuma parcial sequer na competição, que reúne nada menos que os oito melhores tenistas da atualidade.

Líder do Grupo B, Federer espera o segundo colocado da outra chave, que será definida hoje, nas semifinais. "Estou feliz que todos os jogos foram decididos em dois sets, sem desperdício de energia. Estou jogando muito bem", disse. O segundo classificado da chave é o britânico Andy Murray, que bateu o espanhol David Ferrer por duplo 6/2.

Hoje Rafael Nadal enfrenta Tomas Berdych (12 horas, com SporTV2) e Novak Djokovic joga com Andy Roddick (18 horas) . O espanhol e o sérvio são os favoritos às vagas nas semifinais.

Ainda ontem Serena Williams anunciou que não disputará o Australian Open, em janeiro, por causa de lesão no pé que já tirou a americana do US Open.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.