Federer vence Nadal e vai à final da Masters Cup, em Xangai

O suíço Roger Federer mostrou neste sábado por que é o número 1 do mundo, ao vencer um duelo épico contra o espanhol Rafael Nadal, por 2 a 0 (6/4 e 7/5), e se classificar para a final da Masters Cup de Xangai, que reúne os oito melhores tenistas do ano. O adversário será o norte-americano James Blake, que derrotou o argentino David Nalbandian por 2 a 0 (6/4 e 6/1).Federer obteve sua 91.ª vitória no ano, contra apenas cinco derrotas. Ele chega à sua 16.ª decisão no ano, em 17 torneios disputados - só não chegou à decisão no Masters Series de Cincinatti, quando caiu diante do britânico Andy Murray na segunda rodada. Até agora, soma 11 títulos e quatro vices, todos em derrotas para Nadal, em Dubai, Montecarlo, Roma e Roland Garros.Neste ano, o suíço só havia superado o espanhol uma vez, na decisão de Wimbledon. Neste sábado, em Xangai, ele deu a impressão de que venceria com facilidade, ao vencer o primeiro game com três aces e quebrar o serviço de Nadal logo no segundo game.O adversário, porém, reagiu e devolveu a quebra no nono game, quando Federer sacava para fechar e acabou não fazendo nem um ponto sequer. Mas no game seguinte o suíço voltou à partida e conseguiu quebrar novamente o saque de Nadal, fechando a primeira parcial em 6/4.O segundo set foi ainda mais equilibrado e seguiu sem quebras até o 12.º game - no décimo, Nadal, que tinha o serviço, salvou dois match points contrários. Numa bela subida à rede, Federer conseguiu uma bola cruzada e fechou o set em 7/5, após 1 hora e 52 minutos de uma bela exibição de tênis, reduzindo para 6 a 3 sua desvantagem em confrontos contra o rival espanhol.Atualizada às 13h30

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.