Feldmann vence, mas não leva os pontos

SANTA CRUZ DO SUL

, O Estado de S.Paulo

19 de setembro de 2011 | 00h00

Ganhou mas não levou. Alceu Feldmann, da equipe A. Mattheis, largou em 26.º, fez uma corrida de recuperação e foi o vencedor da etapa de Santa Cruz do Sul. Foi a primeira vitória do piloto na categoria que teve o resultado computado, mas perdeu os 25 pontos da prova por tê-la concluído com menos de 3 litros de etanol no tanque. O mesmo aconteceu com Marcos Gomes, da Medley Full Time, que não marcou 20 pontos. Assim, o piloto que mais pontuou foi Cacá Bueno, da Red Bull, que chegou em terceiro lugar na corrida e somou 16.

Feldmann optou por uma estratégia ousada de pit stop: parou no início da prova, que começou com ameaça de chuva. O warm up foi feito com pista úmida. Na corrida, no entanto, o clima melhorou e o piloto conseguiu imprimir um ritmo forte e cruzou em primeiro após bom duelo com o paranaense Ricardo Zonta, que abandonou com problemas no tanque de combustível. "A briga foi muito boa pela vitória e a estratégia foi perfeita", disse Feldman.

Classificação. Com o resultado de ontem e as punições, a liderança na classificação geral é de Max Wilson, 232. Ontem o piloto chegou em quinto lugar, atrás de Ricardo Maurício, da Eurofarma - RC. Cacá Bueno é o vice-líder da competição, com 230 até agora, seguido de Maurício com 226.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.