Felipão se irrita com vazamento de notícias

Uma das coisas que mais irrita Luiz Felipe Scolari é ler em algum jornal o interesse do Palmeiras em determinado jogador. Sem saber como as informações vazam no clube - e quem é a pessoa que passa para a imprensa -, o treinador resolveu não tocar mais neste assunto. "Não falo mais sobre jogador aqui no Palmeiras. Até porque, assim que comentamos, já ficam sabendo a 30 km de distância."

Daniel Akstein Batista, O Estado de S.Paulo

21 de maio de 2011 | 00h00

Não é de hoje que Felipão tem se irritado com gente da sua diretoria. Por mais que tente, ele não consegue acabar com a confusão e os problemas bastante comuns nos bastidores do clube.

O treinador, aliás, não gostou de ver que o Palmeiras está praticamente acertado com o atacante Martinuccio, do Peñarol - o jogador deve chegar assim que acabar a Taça Libertadores.

Para tentar amenizar as diversas especulações de contratações, Felipão optou pelo silêncio. "Eu tinha uma ideia quando cheguei aqui, fui trabalhando e vendo situações que só ocorrem no Palmeiras. Agora cheguei a esse ponto e não tenho mais o mesmo envolvimento que eu queria no início", explicou.

Como promete não se envolver mais nos assuntos extracampo, Felipão garante que o time só tende a crescer. "Vai me sobrar mais tempo para armar a equipe, minha preocupação é só com os jogadores em campo."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.