Satiro Sodré/SSPress
Satiro Sodré/SSPress

Felipe França conquista ouro nos 100m peito no Mundial de Piscina

Depois de uma hora, brasileiro sobe novamente ao pódio após conquistar a melhor posição com tempo recorde de 56s29

Estadão Conteúdo

04 de dezembro de 2014 | 15h49

Uma hora depois de subir ao lugar mais alto do pódio no 4x50 metros medley, Felipe França conquistou mais uma medalha de ouro no Mundial de Piscina Curta, disputado em Doha, no Catar, nesta quinta-feira. O brasileiro brilhou nos 100 metros peito, com o tempo de 56s29, novo recorde do campeonato.

Para levar o segundo ouro do dia, França deixou para trás o sul-africano Cameron Van Der Burgh, atual campeão olímpico da prova e recordista mundial em piscina curta (25 metros) e longa. Van der Burgh foi apenas o quarto colocado, com o tempo de 56s80. O britânico Adam Peaty faturou a prata, com 56s35, e o francês Giacomo Perez Dortona ficou com o bronze (57s78).

Com o resultado, o nadador brasileiro conquistou sua quinta medalha em Mundiais de Piscina Curta. Em 2010, ele levou o ouro nos 50 metros e o bronze nos 100 metros, também no peito. Também foi o terceiro colocado no 4x100 metros medley. Em Doha, ele faturou o ouro no 4x50 metros medley, ao lado de Cesar Cielo, nesta quinta. E poderá encerrar o dia com mais uma medalha, no 4x50m medley misto, no final da programação desta quinta.

Em sua segunda prova do dia, França começou atrás dos rivais na primeira metade da distância, mas se recuperou na virada graças à velocidade obtida na chamada filipina, movimento de impulso característico do nado peito. "Essa é uma coisa que treino muito no meu clube, o Corinthians. Quero agradecer aos meus treinadores", comentou o campeão mundial, em entrevista à Sportv.

Em outra final com brasileiro nesta tarde, Guilherme Guido não conseguiu ir ao pódio ao terminar a prova dos 100 metros costas na quinta colocação, com o tempo de 50s21. "Fiz o melhor tempo possível, meu melhor. Mas vamos encaixar melhor esse cinquentinha amanhã", afirmou, projetando a disputa dos 50 metros costas, nesta sexta.

Marcos Macedo ficou mais longe do pódio nos 100 metros borboleta. O brasileiro foi o oitavo e último colocado na final da prova, com 50s47. A vitória ficou com o sul-africano Chad Le Clos, que impôs o novo recorde mundial da prova em piscina de 25 metros, com 48s44 - a marca anterior pertencia ao russo Evgeny Korotyshkin, com 48s48. O norte-americano Ryan Lochte, uma das estrelas da competição, foi apenas o sétimo colocado, com 50s23.

No feminino, Larissa Oliveira avançou à final dos 100 metros livre, ao obter o 10º lugar, com 52s75. Na prova dos 50 metros borboleta, somente Daynara de Paula avançou. Ela foi a sexta mais rápida das semifinais, com 25s54. Daiene Dias não passou do 12º lugar, com 25s92, e não se classificou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.