Ferrari

Mais uma vez a Ferrari produziu um carro capaz de permitir a seus pilotos lutarem pelas vitórias. Apesar de seu grupo de projetistas ter sido completamente renovado nos últimos anos e o atual regulamento técnico representar um desafio de engenharia bem distinto do das últimas temporadas. O modelo F60 foi testado em Mugello (Itália), no circuito de Sakhir (Bahrein) e nas pistas espanholas de Jerez de la Frontera e Barcelona. Conta com o respeito dos adversários, que viam a escuderia italiana como favorita ao título do Mundial até a chegada da Brawn GP . "A confiabilidade do equipamento será a chave nessas quatro primeiras etapas do campeonato", afirmou o diretor-geral da equipe, Stefano Domenicali, referindo-se às provas deste fim de semana na Austrália e depois na Malásia, China e no Bahrein. Só então as equipes regressam às suas respectivas sedes na Europa. Felipe Massa e Kimi Raikkonen enfrentaram pequenas dificuldades de resistência no F60 em algumas simulações de corrida.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.