Ricardo/A Crítica
Ricardo/A Crítica

Fifa lamenta morte de operário na obra da Arena Amazônia

Secretário-geral da entidade revelou pesar por acidente que vitimou Antônio José Pita em Manaus

AE, Agência Estado

08 de fevereiro de 2014 | 13h05

SÃO PAULO - O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, usou o Twitter neste sábado para lamentar a morte de mais um operário nas obras da Arena Amazônia. Antônio José Pita Martins tinha 55 anos e sofreu um acidente fatal na manhã de sexta-feira, quando desmontava um guindaste de grande porte na área externa do estádio em Manaus, uma das 12 sedes da Copa do Mundo.

"A Fifa lamenta a morte do operário que trabalhava na desmontagem de um guindaste que foi utilizado na construção da cobertura da Arena Amazônia", escreveu Valcke, em inglês e português. "É com grande tristeza que enviamos nossas sinceras condolências à família", completou o dirigente, principal responsável na entidade pela organização da Copa no Brasil.

Essa foi a terceira morte registrada em acidentes na construção da Arena Amazônia - as outras duas foram no ano passado -, sem contar um operário da obra que também morreu após sofrer problemas cardíacos no local. No total, acidentes em estádios que estão sendo construídos ou reformados para receber a Copa no Brasil provocaram seis mortes de trabalhadores.

Antônio Martins era técnico de guindaste da Martifer, empresa que presta serviço na construção da Arena Amazônia. Quando ele desmontava o equipamento, uma peça teria caído em sua cabeça, provocando ferimentos graves. O operário chegou a ser levado para o hospital, mas teve uma parada cardiorrespiratória durante uma cirurgia e morreu.

No começo da semana, o estádio em Manaus tinha atingido 96,68% das obras concluídas - a previsão de inauguração é ainda em fevereiro. Com capacidade para 40 mil torcedores, o local vai receber quatro jogos da Copa do Mundo, todos válidos pela primeira fase: Inglaterra x Itália, Camarões x Croácia, Estados Unidos x Portugal e Honduras x Suíça.

Tudo o que sabemos sobre:
Copa 2014futebolFifa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.