Filipinho, Mineirinho e Wiggolly avançam à quarta fase em Bells Beach

Caio Ibelli, que havia assegurado anteriormente a sua classificação, terá pela frente Frederico Morais e Owen Wright

Estadao Conteudo

17 de abril de 2017 | 09h34

O Brasil teve um dia perfeito na etapa de Bells Beach, na Austrália, do Circuito Mundial de Surfe. Os três competidores do País que entraram no mar - Filipe Toledo, Adriano de Souza e Wiggolly Dantas - triunfaram e avançaram à quarta fase, para a qual Caio Ibelli também já estava classificado.

Em grande fase, fase Filipe Toledo conseguiu a maior somatória da terceira fase - 18,27 pontos -, o que acabou sendo mais do que suficiente para ele superar o australiano Adrian Buchan, que somou 15,56 na sua bateria. Na sua melhor onda, o brasileiro conseguiu 9,77 pontos, o que acabou sendo fundamental para o seu triunfo.

Na quarta fase, Filipinho terá pela frente o havaiano Ezekiel Lau e o também brasileiro Adriano de Souza. Com uma nota 9 na sua melhor onda, Mineirinho fechou a sua bateria com 16,53 pontos, superando o francês Jeremy Flores, que conseguiu 15,50.

Já Wiggolly Dantas eliminou o australiano Matt Wilkinson, o atual campeão da etapa de Bells Beach. Em uma bateria bastante equilibrada, o brasileiro superou o oponente por 13,73 a 13,00 para se garantir na quarta fase, quando terá pela frente o também australiano Joel Parkinson e o sul-africano Jordy Smith.

Caio Ibelli, que havia assegurado anteriormente a sua classificação à quarta fase, duelará na sua bateria com o português Frederico Morais e o australiano Owen Wright.

Tudo o que sabemos sobre:
surfeFilipe ToledoAdriano de Souza

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.