Flagrada com doping, corredora é suspensa pela CBAt

A Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) confirmou oficialmente nesta segunda-feira a suspensão provisória da corredora mato-grossense Elaine de Paula Viera. Ela foi punida por ter sido flagrada com substância proibida em exame realizado no dia 6 de janeiro, depois de participar da 28.ª Corrida de Reis, em Cuiabá (MT).

AE, Agência Estado

20 de fevereiro de 2012 | 13h51

A entidade que comanda o atletismo nacional informou que Elaine foi comunicada sobre a presença da substância proibida metilhexananamina, um estimulante, no último dia 1.º de fevereiro. Após o aviso, a CBAt ressaltou que a corredora não apresentou justificativa para o uso da substância dentro do prazo obrigatório de sete dias, como manda as regras da Associação Internacional das Federações de Atletismo (Iaaf, na sigla em inglês).

A CBAt também informou que Elaine não pediu pela realização da amostra "B" de sua urina no prazo determinado pelas regras da Iaaf. Por tudo isso, a entidade nacional suspendeu a atleta de forma provisória a partir do último dia 17 e informou que a mesma tem 14 dias, a partir daquela data, para solicitar o seu julgamento pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) da CBAt.

Tudo o que sabemos sobre:
atletismoCBAtdoping

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.