Flamengo fecha patrocínio com Niterói para salvar ginástica

Prefeitura bancará os custos da ginástica rubro-negra, que giram em torno de R$ 80 mil por mês

Bruno Lousada, da Agência Estado,

26 de janeiro de 2009 | 00h01

Depois de praticamente fechar as portas do Flamengo para Diego Hypólito, Daniele Hypólito e Jade Barbosa, a diretoria rubro-negra anunciou no domingo à noite uma reviravolta no caso. Em nota oficial, avisou que fechará nesta segunda-feira, 26, um patrocínio com a Prefeitura de Niterói para salvar a ginástica. O acordo será firmado às 15 horas, no gabinete do prefeito de Niterói, Jorge Roberto da Silveira. A assinatura do contrato será feita em uma reunião que contará com a presença dos três ginastas, do presidente do Flamengo, Marcio Braga, e de outros dirigentes - entre eles João Henrique Areias, responsável pela reestruturação dos esportes olímpicos do clube. A Prefeitura de Niterói bancará os custos da ginástica rubro-negra, que giram em torno de R$ 80 mil por mês. No domingo à tarde, Areias havia informado ao Estado/JT/Agência Estado que uma grande organização havia demonstrado interesse em investir na modalidade depois que o clube carioca anunciou que não renovaria os contratos de Diego, Daniele e Jade Barbosa. Ele, no entanto, não quis revelar o nome do patrocinador. Só disse que os dirigentes se reuniriam nesta semana com representantes dessa organização para negociar um convênio para a ginástica. Porém, deixou claro que o acordo não seria tão simples de ser concluído."Pintou uma luz no fim do túnel. Vamos ver se o nosso projeto será aceito por essa organização. É uma boa perspectiva", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
ginásticaFlamengo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.