Flamengo vence Troféu José Finkel

A crise que ameaça os esportes olímpicos nos clubes cariocas não foi suficiente para impedir a vitória do Flamengo no Troféu José Finkel, o Brasileiro em piscina de 25 metros, encerrado neste domingo, em Santos. Os nadadores do Flamengo, que sobrevivem sem receber salários ? o clube só paga a comissão técnica ? chegaram ao 12º título da competição, com 2.238 pontos. O Minas Tênis ficou em segundo (2.016) e o Pinheiros, em terceiro (1.847,50).A ex-nadadora e atual vice-presidente de Esportes Olímpicos do Flamengo, Patrícia Amorim, diz que vai lutar pelo clube até a morte. ?Sempre que algum dirigente do Flamengo cogitar acabar com o esporte olímpico no clube, vamos responder assim, com resultados. A natação no Flamengo não acaba mesmo.?Neste domingo, último dia de competições, Flávia Delaroli, Tatiana Lemos, Talita Ribeiro e Juliana Berlanga, do Pinheiros, bateram o recorde sul-americano no revezamento 4 x 100 metros, livre, com 3min45s68. No masculino, o Pinheiros melhorou o recorde do campeonato, com José Meolans, Gustavo Borges, Rafael Lima e Carlos Jayme (3min14s25).O argentino Meolans ficou o ouro nos 100 m, livre (47s80). No feminino, deu Rebeca Gusmão, da AABB/DF (55s78). Nos 100 m, costas, feminino, uma surpresa: Laura Azevedo, do Minas Tênis (1min02s18). No masculino, vitória de Alexandre Massura (53s92). Nos 100 m, peito, masculino, deu Eduardo Fischer, do Joinville Tênis Clube (com 1min00s16).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.