Damien Poullenot/WSL
Damien Poullenot/WSL

Gabriel Medina perde no Pipe Masters e vai disputar a repescagem

Brasileiro cai diante de Miguel Pupo. Já John John Florence e Jordy Smith avançam no Havaí

O Estado de S.Paulo

11 de dezembro de 2017 | 19h24

A briga pelo título mundial da temporada de surfe no Billabong Pipe Masters teve seu primeiro capítulo nesta segunda-feira, no Havaí. Dos quatro postulantes ao troféu, dois não venceram suas baterias na primeira fase e terão de disputar a repescagem, que é eliminatória: Gabriel Medina e Julian Wilson.

+ Confira os detalhes do Circuito Mundial de Surfe

O brasileiro Gabriel Medina, que busca o bicampeonato, acabou perdendo justamente na bateria que teve vitória de seu grande amigo Miguel Pupo, que também é de Maresias. "Estou feliz de ter pegado boas ondas e quero continuar avançando na competição", afirmou o surfista, que precisa avançar mais baterias para garantir permanência na elite no próximo ano.

 

Miguel Pupo, no momento, está fora dos 22 mais bem colocados, que garantem permanência no Circuito Mundial em 2018. Por isso, não deu mole para o amigo e para o havaiano Benji Brand, que veio da triagem. "A pressão é grande, mas tenho minha família aqui e quando estou com minha filhinha a pressão some. Quero fazer o melhor, espero que o Gabriel avance no evento e seja campeão, mas eu tenho de fazer minha parte", disse.

O maior rival de Medina, que também busca o bicampeonato, é o havaiano John John Florence, que não teve muita dificuldade para chegar à terceira fase ao superar o brasileiro Wiggolly Dantas e seu conterrâneo Dusty Payne. "É incrível o apoio que estou recebendo. Isso me deixa mais motivado, pois no ano passado eu cheguei aqui já com o título garantido. Agora é diferente", comentou John John.

Quem também foi para a repescagem foi o australiano Julian Wilson, que poderia ter vencido sua bateria, mas acabou cometendo uma interferência e, mesmo pegando as melhores ondas, foi punido e acabou ficando fora. Já o sul-africano Jordy Smith levou a melhor sobre os australianos Bede Durbidge e Ethan Ewing e já está na terceira fase.

A primeira bateria da repesecagem será entre Gabriel Medina x Dusty Payne. Logo na sequência Julian Wilson vai tentar sua permanência no Pipe Masters contra o havaiano Benji Brand. Quem perder nesta fase estará eliminado da competição no Havaí. Nesta terça-feira, a chamada da competição será às 16h (horário de Brasília).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.