Gabriel, o menino de 16 anos que vale R$ 130 milhões

Nova promessa assina contrato de três anos depois de impressionar Muricy Ramalho no treino com os titulares

SANTOS, O Estado de S.Paulo

26 de setembro de 2012 | 03h27

Gabriel Barbosa, garoto de 16 anos de origem humilde, é o mais novo candidato a celebridade do futebol com a camisa do Santos nos próximos anos.

Ele assinou ontem contrato de profissionalização de três anos, com preferência de renovação por mais duas temporadas e com multa de 50 milhões (aproximadamente R$131 milhões) para clubes do exterior. A previsão dos dirigentes santistas é de que a nova promessa ultrapasse etapas como Neymar e comece a ter oportunidades no time principal ainda no primeiro semestre de 2013.

Gabigol, como é conhecido pelos santistas, nasceu em São Bernardo do Campo e chegou a fazer parte das equipes da base do São Paulo. Em razão das dificuldades financeiras da família, acabou sendo levado por um conselheiro santista para morar nos alojamentos da Vila Belmiro e fazer parte da categoria infantil.

Ele é um dos canhotos do Sub-17 que impressionaram Muricy Ramalho nos treinos contra o profissionais recentemente.

"Santos e Gabigol assinaram contrato de profissionalização. Paixão desde bebê". Essa foi a mensagem postada no Twitter, com uma fotografia de Gabigol ainda criancinha com a camisa do Santos, ontem à tarde, pelo empresário Wagner Ribeiro, que já trabalhou com Neymar, Lucas, Kaká e Robinho, entre outros jogadores famosos.

As negociações entre Santos, familiares de Gabigol e Ribeiro se arrastavam havia quase duas semanas. O clube queria se tornar dono de 70% dos direitos econômicos do jogador, mas acabou prevalecendo a exigência do empresário e da família de ficar com 40%. De acordo com Ribeiro, clubes brasileiros e do exterior tinham interesse em tirar Gabriel da Vila Belmiro, mas prevaleceu a vontade da jovem promessa de seguir os passos de Robinho e Neymar.

Em janeiro, Gabriel vai passar por um teste importante, como principal estrela do time santista na Copa São Paulo Júnior. E, se passar no vestibular, será integrado ao elenco de profissionais por Muricy Ramalho e começar a aparecer ao lado de Neymar e, talvez, de Robinho, no encontro de três gerações de craques.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.