Garoto Neymar sente o clássico

O técnico do Santos, Vágner Mancini, admitiu: substituiu Neymar durante o clássico contra o Corinthians porque o jovem atacante sucumbiu à pressão. "Neymar saiu porque ele sentiu um pouco, não estava achando o seu espaço", afirmou o treinador. "Ele teve essa chance clara e achei melhor tirar, pois o lance poderia tê-lo abatido demais "Os jogadores do Santos saíram de campo com a impressão que a derrota para o Corinthians por 1 a 0 não refletiu a realidade da partida. O empate teria sido um resultado mais justo, acreditam. Para o zagueiro Fabão, pesou a favor do Corinthians foi a eficiência na finalização e nos passes. "Clássico é assim, na primeira oportunidade a gente tem de fazer o gol."O goleiro Fábio Costa saiu reclamando do árbitro Rodrigo Cintra. "Não sei se ele é fraco ou mal intencionado", desabafou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.