Gaúchos já vendem os camarotes do estádio

Na batalha das arenas, o Grêmio está bem na frente do Palmeiras e promete entregar seu estádio quase um ano antes do rival, daqui cinco meses. O próximo estágio do clube gaúcho será a venda de camarotes. Na quinta-feira da próxima semana, em um evento fechado, serão colocados à disposição 119 camarotes, de um total de 135 que vão ter no estádio, com capacidade para até 2.700 pessoas sentadas. Os valores irão de R$ 134,4 mil até R$ 373 mil por ano.

O Estado de S.Paulo

21 de junho de 2012 | 03h07

A receita esperada apenas com a venda dos camarotes é de pelo menos R$ 8 milhões e a expectativa é que todos os contratos sejam assinados no dia.

A arena gremista será a primeira construída nos padrões da Fifa a ser entregue no Brasil. No entanto, não será usada em jogos do Mundial - o estádio do Internacional é que foi escolhido - e sim como Centro de Treinamento para as seleções em 2014.

A novidade dos camarotes da arena está no fato de que poderão ser utilizados nos dias em que não ocorrer nenhuma partida ou show. Servirá como uma espécie de escritório para os empresários que a comprarem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.