Gebrselassie quer novo recorde da maratona em Dubai

Recordista espera fazer um novo tempo expressivo na prova que será disputada nesta sexta-feira

Agencia Estado

14 de janeiro de 2009 | 11h21

Recordista mundial da maratona desde 2007 e dono das três melhores marcas da distância em todos os tempos, o etíope Haile Gebrselassie espera fazer um novo tempo expressivo na Maratona de Dubai, que disputará nesta sexta-feira."Se estiver tudo perfeito, o vento e o tempo ajudarem, é possível que tenhamos alguma coisa boa", afirmou Gebrselassie, que cumpriu a maratona em 2h03min59s em setembro do ano passado, em Berlim - um mês depois da Olimpíada de Pequim, na qual não correu a maratona por causa da excessiva poluição na China. Ele disputou apenas os 10 mil metros nos Jogos e acabou na sexta posição.Gebrselassie venceu em Dubai no ano passado com o tempo de 2h04min53s, até então a segunda melhor marca de todos os tempos - atrás apenas de seu recorde anterior em Berlim, 2h04min26s.Bem-humorado e confiante, ele aproveitou para fazer uma recomendação aos economistas ao ser questionado sobre os efeitos da crise financeira mundial no atletismo. "Eles deveriam correr, porque eu estou sempre feliz e sorridente quando estou correndo", declarou. O vencedor da maratona receberá um prêmio de US$ 250 mil (cerca de R$ 570 mil) e terá direito ainda a um bônus de US$ 1 milhão (RS 2,3 milhões) em caso de recorde mundial.

Tudo o que sabemos sobre:
atletismomaratonaHaile Gebrselassie

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.