Gilson Kleina não vê a hora de poder contar com Kleber no Palmeiras

SÃO PAULO - Embora o Palmeiras viva um bom momento, o técnico Gilson Kleina anda preocupado com o ataque. A necessidade de atuar sem um atacante na área tem incomodado o treinador, por isso, ele espera o quanto antes contar com Kleber, contratado do Porto. O problema, porém, é a condição física do jogador.

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

26 de fevereiro de 2013 | 02h06

Kleber sofreu uma lesão na coxa direita quando estava em Portugal e não fez pré-temporada. Kleina sabe das limitações do atacante, mas acha que mesmo assim vale utilizá-lo, pelo menos na Libertadores. Mas os preparadores físicos do Palmeiras temem liberá-lo antes do prazo e causar uma nova lesão. Apesar disso, o treinador deve levá-lo para o jogo contra o Libertad, quinta-feira, em Assunção,

Kleber, na avaliação da comissão técnica do Palmeiras, tem condições de aumentar o poder de fogo do time. Contra o Barbarense, o time criou oportunidades, mas errou nas finalizações.

Arena. A 2.ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo publicou no Diário Oficial, ontem, uma decisão na qual determina a realização de uma perícia para decidir se as obras da Nova Arena serão paralisadas. O motivo é que existem alguns pontos suspeitos em obras anteriores no terreno. Uma delas é que parte das obras tenha sido feita utilizando notas fiscais frias.

O clube e a empresa acreditam que dentro de 45 dias já têm um resultado da pericia. O diretor executivo do Palmeiras, José Carlos Brunoro, disse que a responsabilidade é da WTorre. A empresa, por meio de um comunicado, respondeu: "A WTorre decidiu não se manifestar neste momento, por entender que nada há de novo nesta questão." /DANIEL BATISTA

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasfutebolKleber

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.