Ginasta dos EUA mantém medalha de ouro

O norte-americano Paul Hamm vai manter a medalha de ouro conquistada nos Jogos Olímpicos de Atenas. Nesta quinta-feira, o Tribunal de Arbitragem Esportiva de Lausanne (TAS) rejeitou o recurso da Coréia do Sul que reivindicava o primeiro lugar no concurso completo masculino de ginástica. O atleta Tae-young Yang perdeu um décimo na nota durante os exercícios de barras paralelas e, na ocasião, não concordou com sua classificação. Foi à Federação Internacional de Ginástica (FIG) e ao TAS, mas terá de se contentar com a medalha de bronze.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.