Evelson de Freitas/Estadão
Evelson de Freitas/Estadão

AO VIVO

Confira tudo sobre a Copa do Mundo da Rússia 24 horas por dia

Goleada sobre o Sport quebra tabu de seis anos do Palmeiras no Brasileiro

Alviverde não fazia cinco gols em uma partida do Campeonato Brasileiro desde 2011, quando Felipão ainda treinava o time

Ricardo Magatti, Especial para O Estado de S.Paulo

17 Novembro 2017 | 16h41

A goleada por 5 a 1 sobre o Sport nesta quinta, no Allianz Parque, que assegurou a vaga na fase de grupos da Copa Libertadores no próximo ano, significou, também, a quebra de um tabu para o Palmeiras. O Alviverde não marcava cinco gols em uma única partida no Campeonato Brasileiro desde 2011.

+ Retorno de Borja e gols de Deyverson acirram disputa no Palmeiras

+ Palmeiras confirma a contratação do lateral-esquerdo Diogo Barbosa

Em 18 de junho de 2011 o time então treinado por Luiz Felipe Scolari fez 5 a 0 no Avaí, em confronto válido pela 5ª rodada do Brasileirão. A goleada foi construída com gols do meia Lincoln e dos atacantes Kléber Gladiador e Luan - este ainda pertence ao Palmeiras e está emprestado ao América-MG -, que marcaram duas vezes cada.

Autor dos dois gols e ainda de uma assistência no duelo, Luan ainda pertence ao Palmeiras. Seu vínculo com o clube paulista termina no final de dezembro deste ano. Muito contestado pela torcida - um torcedor chegou até a arremessar uma bomba caseira próxima de seu carro - o atacante foi um dos principais nomes do América-MG na Série B do Campeonato Brasileiro.

As goleadas, no entanto, não foram a tônica do Palmeiras na campanha do Brasileiro em 2011. Naquele ano, o Alviverde, que tinha o chileno Valdivia e o atacante Kléber 'Gladiador' como os principais jogadores da equipe, fez campanha irregular e terminou apenas na 11ª posição, com 50 pontos conquistados.

Antes dos 5 a 1 diante do Sport, o placar mais elástico construído em 2017 pelo Palmeiras, que tem o melhor ataque do Brasileirão com 58 gols, foi a vitória sobre o Vasco por 4 a 0 logo na primeira rodada. Depois, marcou quatro gols em outras três partidas (2 x 4 no Bahia, 4 x 2 contra o Vitória e 4 x 2 sobre o São Paulo).

Conformado com o título do rival Corinthians e já garantido na Libertadores de 2018, o Palmeiras, terceiro colocado, com 60 pontos, disputa as últimas três rodadas para terminar a competição na vice-liderança. Na próxima rodada, o time do técnico Alberto Valentim vai a Ressecada enfrentar o Avaí, em duelo marcado para segunda-feira, às 20 horas.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 5 X O AVAÍ - CAMPEONATO BRASILEIRO DE 2011

Palmeiras: Marcos; Cicinho, Thiago Heleno, Leandro Amaro e Rivaldo; Marcos Assunção, Márcio Araújo, Lincoln e Luan; Wellington Paulista (Chico) e Kleber. Técnico: Luiz Felipe Scolari

Avaí: Aleks; George Lucas (Estrada), Cássio, Bruno e Julinho (Romano); Acleisson, Marcinho Guerreiro, Pedro Ken e Marquinhos Gabriel; William e Robinho (Fábio Santos). Técnico: Alexandre Gallo.

Gols: Lincoln, aos 18, Luan, aos 22 e 41, Kleber, aos 43 minutos do primeiro tempo e aos 26 do segundo.

CARTÕES AMARELOS: Wellington Paulista e Luan (Palmeiras); Acleisson, Julinho e Bruno (Avaí);

DATA: 19 de junho de 2011

ÁRBITRO: Fabrício Neves Correa (RS) 

PÚBLICO: 12.138 pessoas

RENDA: R$ 319.419,00

LOCAL: Estádio do Canindé, em São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.