Goleiro Júlio César deixa o campo como herói

O goleiro Júlio César, do Santo André, deixou o campo do Prudentão como destaque do jogo. No último lance da partida, ele fez uma difícil defesa, em uma cabeçada de Robson na pequena área. "O importante foi que o time soube superar o placar adverso e o campo ruim", explicou, com humildade. "O time demonstrou que tem condições e que vai chegar à final."

, O Estado de S.Paulo

12 de abril de 2010 | 00h00

O atacante Rodriguinho, autor de um dos gols, que levou o terceiro cartão amarelo e vai cumprir suspensão, admitiu que vai dividir seu prêmio da vitória com Júlio César. "O time confia nele, ele está sempre firme ali", disse.

Já o meia Wesley, do Grêmio, parecia conformado. "Ficou difícil, mas não será impossível reverter a vantagem deles", disse. O Grêmio também terá um desfalque no segundo jogo: o lateral Marcelo Oliveira também recebeu o terceiro cartão amarelo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.