Goleiro linha marca na prorrogação e Carlos Barbosa fatura Taça Brasil de Futsal

O Carlos Barbosa derrotou a Assoeva por 2 a 1, na prorrogação, neste domingo, em casa, e conquistou a Taça Brasil de Futsal. Depois de empatarem por 1 a 1 no tempo regulamentar em duelo tenso, o time anfitrião conquistou a vitória com um gol de Canabarro, que atuou como goleiro linha no tempo extra.

Estadão Conteúdo

06 de março de 2016 | 14h40

A decisão colocou frente a frente duas equipes com campanhas muito semelhantes. Tanto Carlos Barbosa quanto Assoeva empataram uma vez e venceram todos os outros jogos. Os visitantes, no entanto, jogavam por uma igualdade na prorrogação pelos critérios de desempate da competição.

Para alcançar a taça, a equipe gaúcha encarou um duelo nervoso, com duas expulsões, uma para cada lado. O Carlos Barbosa abriu vantagem logo no início da partida. Após jogada ensaiada, Pito aproveitou desatenção da defesa da Assoeva para marcar o único gol do primeiro tempo. Na etapa final, Genaro conseguiu vencer o goleiro Deividi e empatou.

O jogo ficou pegado, com entradas duras dos dois lados. Após uma falta a favor do Assoeva, Genaro e Kevin se desentenderam e trocaram agressões. Os dois foram expulsos. Na prorrogação, o time da casa partiu para cima ao colocar em campo um goleiro linha. A aposta deu certo e Canabarro marcou o gol do título ainda no primeiro tempo.

Tudo o que sabemos sobre:
Genaro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.