Golfe pode fazer parte dos Jogos Olímpicos de 2016

Federação Internacional de Golfe tem forte influência e pode colocar esporte no quadro de modalidades

EFE

16 de julho de 2008 | 16h16

A Federação Internacional de Golfe anunciou nesta quarta a criação de um comitê olímpico de golfe, que terá o objetivo de tentar a inclusão do esporte nos Jogos Olímpicos de 2016.Desta forma, o Rio de Janeiro pode ser o palco da estréia do esporte, já que a cidade disputa o direito de sediar o evento ao lado de Tóquio, Chicago e Madri. A entidade terá representantes de associações profissionais da modalidade e será comandada por Ty Votaw, dirigente da PGA Tour.O Comitê Olímpico Internacional (COI) escolherá em outubro de 2009 dois esportes, no máximo, para entrar no programa dos Jogos a partir de 2016. Além do golfe, concorrem beisebol, caratê, patinação, rúgbi, softbol e squash.

Tudo o que sabemos sobre:
golfeOlimpíadas2016

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.