Governador quer que Tóquio sedie a Olimpíada de 2020

O governador de Tóquio disse nesta sexta-feira que deseja que a capital japonesa dispute o processo de escolha da sede dos Jogos Olímpicos de 2020. "Quero que isto seja considerado. Espero que o Japão esteja unido neste esforço", disse Shintaro Ishihara em um discurso durante uma sessão ordinária da assembleia metropolitana.

AE-AP, Agência Estado

17 de junho de 2011 | 10h00

Ishihara foi um dos principais apoiadores da candidatura fracassada de Tóquio para ser a sede dos Jogos Olímpicos de 2016. A cidade do Rio de Janeiro foi escolhida em 2009 para receber o evento. Para o governador, a candidatura de Tóquio poderia ajudar a levantar o Japão após o devastador terremoto, seguido de um tsunami, de 11 de março.

Os comitês olímpicos nacionais têm até o dia 1º de setembro para apresentar suas candidaturas para os Jogos Olímpicos de 2020. Até agora, apenas a cidade italiana de Roma se candidatou formalmente a receber o evento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.