Satiro Sodré/SS Press
Satiro Sodré/SS Press

Governo dá Bolsa Pódio para nadador flagrado no exame antidoping

Entre os 235 nomes beneficiados em 2015 pelo programa está o nadador João Luiz Gomes Júnior, que está sendo investigado

Estadão Conteúdo

05 de fevereiro de 2015 | 20h56

O Diário Oficial da União (DOU) divulgou nesta quinta-feira a primeira atualização de 2015 do Bolsa Pódio. Dentre os 44 atletas olímpicos relacionados, 12 vão receber o benefício pela primeira vez. Entre os 235 nomes beneficiados em 2015, está o nadador João Luiz Gomes Júnior, que está sendo investigado por doping.

João foi flagrado em teste realizado no Mundial de Piscina Curta do ano passado, em Doha, no Catar, em dezembro. Mesmo testando positivo para um diurético proibido, ele está entre os 144 atletas olímpicos beneficiados pelo programa. Outros 91 paralímpicos completam a lista.

Entre os 44 relacionados nesta primeira atualização do ano, está o sabrista Renzo Agresta, primeiro nome da esgrima a ser beneficiado. Com a novidade, o programa agora atinge 21 modalidades olímpicas e 12 paraolímpicas.

O Programa Bolsa Pódio foi criado com o intuito de apoiar diretamente atletas com chances de medalhas nos Jogos do Rio de 2016. Um dos critérios para o atleta pleitear o benefício é o de que esteja entre os 20 primeiros colocados do ranking mundial de sua modalidade.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.