GP do Brasil reúne 40 mil em Belém

O juvenil Bruno Nascimento Pacheco, de 18 anos, estava nervoso desde a véspera - teve "tremedeira" quando soube que fecharia o revezamento 4 x 100 metros, na sequência de Fernando dos Reis e dos medalhistas olímpicos Claudinei Quirino e André Domingos. A explicação do técnico Jayme Netto Jr. para colocar Bruno nos 100 metros finais foi simples: "só podia correr por último porque ainda não sabe passar o bastão, tinha de receber". Bruno, um garoto de Caxias, que chegou a trabalhar dois meses com o tráfico de drogas em um morro da Zona Norte do Rio, foi resgatado para o atletismo pelo técnico Alexandre Reis, do Vasco, e ainda está em processo de evolução. Mas, neste domingo, dividiu a cena com a saltadora Maurren Maggi. Bruno fez seu papel e ajudou na vitória do revezamento B, com 39s24. Cruzou a linha em primeiro e fez levantar as 40.123 pessoas que compareceram ao novo Estádio Olímpico do Pará, em Belém, recorde de público em competições de atletismo no Brasil, para ver as provas do 18.º Grande Prêmio Brasil Caixa de Atletismo. O Brasil realizou a primeira das 27 etapas do calendário de GPs da Associação Internacional das Federações de Atletismo (Iaaf), que termina dia 14 de setembro, em Paris, França. Neste domingo, foram disputadas 18 provas e o Brasil conquistou quatro medalhas de ouro, as demais ganhas por Maurren Maggi, no salto em distância (6,90 m), Hudson Santos de Souza, nos 1.500 m (3min36s56) e Lucimar Aparecida de Moura, nos 200 metros (23s67). O presidente da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), Roberto Gesta de Mello, disse que "vai ser difícil tirar o meeting de Belém, por causa do público e da pista", inaugurada neste domingo - os placares eletrônicos de campo, desembarcaram em Belém somente na noite de sábado, mas foram montados a tempo. O atletismo dos Jogos Sul-Americanos, em agosto (alémdo boxe, a natação e as lutas), serão disputados em Belém. O novo estádio foi destaque do GP que não teve um grande nível técnico e terminou com um único recorde, do torneio, de Leonard Byrd (EUA), nos 400 metros, com 44s45 (a marca anterior era de Butch Reynolds, com 44s68). Futuro - O técnico Jayme Netto Jr. acha que Bruno integra a nova boa geração de velocistas brasileiros, formada por corredores menores e juvenis, que poderão estar na Olimpíada de Pequim, em 2008, se for bem preparada. Bruno começou a correr aos 16 anos, com a ajuda da Prefeitura de Caxias, e disse que, ontem, "foi um grande dia" na sua curta carreira. Não se lembrava como foi a prova - "só sei que o André disse ´vai´, quando passou o bastão. Eu nem sabia que estava na frente. Na véspera, ele e o Nei (Claudinei Quirino) disseram para eu não me preocupar e fazer tudo com naturalidade... Para quem já passou o que eu passei na vida, até que foi fácil." No ano passado, o Brasil quebrou os recordes sul-americanos juvenil, masculino e feminino, nos revezamentos 4 x 100 m e 4 x 400 m, o que mostra a evolução dos velocistas. Jayme disse que a geração tem mais dois Brunos talentosos, além deste, que são Bruno Tiago Campos, de São Paulo, e Bruno de Âlcantara Góes. Confira os campeões do GP do Brasil de Atletismo: Masculino: Salto triplo - Kenta Bell (EUA) - 17,00 m Salto com vara - Derek Miles (EUA) - 5,70 m Salto em altura - Mark Boswell (CAN) - 2,25 m 100 metros - Kim Collins (EUA) - 10s18 200 metros - Uchenna Emedolu (NGR) - 20s81 400 metros - Leonard Byrd (EUA) - 44s45 400 m c/ barreiras - Eric Thomas (EUA) - 48s36 800 metros - Nicolas Wachira (QUE) - 1min46s29 1.500 metros - Hudson de Souza (BRA) - 3min36s56 Arremesso do peso - Kevin Toth (EUA) - 20,78 m Revezamento 4 x 100 m - Brasil B - 39s24 Feminino 100 metros - Mercy Nku (NGR) - 11s27 100 m c/ barreiras - Brigitte Foster (JAM) - 12s64 200 metros - Lucimar de Moura (BRA) - 23s67 400 metros - Michelle Collins (JAM) - 50s43 1.500 metros - Mardrea Hayman (JAM) - 4min12s03 Salto em distância - Maurren Maggi (BRA) - 6,90 m Lançamento do dardo - Valerya Zabruskova (RUS) - 58,88 m

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.