Estadão
Estadão

Gramado da Fonte Nova recebe tratamento especial

Iluminação artificial, que simula a luz do sol, ajuda no crescimento saudável da grama

PAULO FAVERO - Enviado especial, Agência Estado

18 de junho de 2013 | 21h33

SALVADOR - Os funcionários da Fonte Nova estão tratando o gramado da arena com muito carinho. Nos jogos da Copa das Confederações em outras sedes, o campo de jogo recebeu algumas críticas e os especialistas de Salvador não querem saber de reclamações. Por isso, dois dias antes da primeira partida no estádio pelo torneio, entre Uruguai e Nigéria, o gramado recebeu um tratamento especial.

Para auxiliar no crescimento saudável da grama, foram usadas grandes estruturas que possuem uma iluminação artificial que simula a luz do sol. Isso ajuda no crescimento de áreas do campo que foram afetadas pela cobertura da arena e que estão recebendo pouca incidência de luz solar nesta época do ano.

Com luzes de alta potência, o gramado recebe a iluminação artificial e depois de algumas horas de exposição, o suporte das luzes é direcionado para outra região do campo. Além da iluminação especial, o gramado também recebeu retoques nas linhas do campo e teve parte da grama aparada. A expectativa dos baianos é que o gramado não receba críticas na partida de quinta-feira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.