Grêmio apresenta Carlos Alberto e Escudero

O Grêmio apresentou nesta segunda-feira os seus dois últimos reforços para este início de temporada. Os meias Carlos Alberto e Damián Escudero vestiram pela primeira vez a camisa gremista e já falaram como jogadores do time gaúcho. O ex-vascaíno, aliás, afirmou que tem o estilo de jogar que deverá fazer sucesso no Rio Grande do Sul.

AE, Agência Estado

07 de fevereiro de 2011 | 20h54

"Eu estou muito feliz de estar aqui, ter essa oportunidade de vestir a camisa do Grêmio, espero não decepcionar. Vou procurar sempre fazer o meu melhor, prometo muito empenho, muito trabalho. O meu jeito de jogar vai se encaixar muito com o estilo gaúcho, prometeu o meia.

Carlos Alberto busca, no Grêmio, o único dos grandes títulos interclubes que falta no seu currículo. Pelo Porto, ele conquistou a Liga dos Campeões o Mundial. No Brasil, já tem um Brasileirão e uma Copa do Brasil. A Copa Libertadores fecharia a conta.

Emprestado pelo Boca Juniors, onde estava sem espaço, Escudero vê no Grêmio uma chance de voltar a jogar em alto nível. "Vim buscar retomar minha carreira. Não tive muita continuidade em outros clubes, estou muito contente de tentar isso aqui no Grêmio", explicou o volante argentino, que rodou sem sucesso pela Espanha antes de amargar a reserva do Boca.

Nesta segunda-feira, antes da apresentação oficial, Carlos Alberto já treinou com os titulares do Grêmio, que fizeram recondicionamento físico para se recuperarem do desgaste da partida contra o Caxias. Já Escudero foi liberado para agilizar os trâmites burocráticos de sua contratação.

A contratação do dois, somada à chegada do zagueiro Rodolfo, deve colocar fim às contratações do Grêmio, pelo menos até as oitavas de final da Libertadores. Como só pode fazer três alterações na lista de jogadores que disputaram a fase preliminar do torneio continental, o clube gaúcho deve inscrever seus três últimos reforços.

Tudo o que sabemos sobre:
GrêmioCarlos AlbertoEscudero

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.