Guga vence e faz a festa da torcida

Kuerten bate colombiano e avança no Aberto de Santa Catarina

Chiquinho Leite Moreira, Florianópolis, O Estadao de S.Paulo

16 de abril de 2008 | 00h00

As faixas de adeus para Gustavo Kuerten tiveram de ser enroladas e guardadas para quinta-feira, quando o tricampeão de Roland Garros volta a ação. Ontem, mais uma vez Guga mostrou a sua marca registrada, a surpresa, e venceu um jogo de simples em sua turnê de despedida. Em dois sets, 6/4 e 6/4, em 1h12, derrotou o colombiano Carlos Salamanca e se classificou para a segunda rodada do Aberto de Santa Catarina. Enfrenta, agora, Franco Ferreiro.''Foi demais...foi demais'', repetia Guga, cheio de entusiasmo e satisfação após a sua primeira vitória em simples em 14 meses. O último jogo que havia vencido foi em fevereiro do ano passado, em Las Vegas, diante de Wesley Moody. ''Não esperava essa vitória. Estou muito feliz'''', comemorou. ''Tenho minhas limitações e precisava controlar a respiração, o físico, saber a hora certa de correr ou deixar passar, mas com força e raça venci este jogo. É uma conquista pessoal, uma das maiores da minha vida.''O clima em Florianópolis estava pronto para um adeus. Mas longe de ser um ambiente triste. Horas antes do início do jogo, a quadra do Costão do Santinho já estava tomada por mais de três mil torcedores, todos em festa e mais dispostos a prestar uma homenagem, fazer um agradecimento do que propriamente cobrar uma vitória. ''Durante o jogo, passou um filme de longa metragem pela minha cabeça. Em certas horas, lembrava da minha primeira raquete, de quando comecei a jogar'''', contou o brasileiro. ''Às vezes, olhava para minha mãe e lembrava de minha família. Tudo isso me deu força.'' Guga deixou a barba crescer em homenagem a seu pai, Aldo, que morreu quando ele tinha 14 anos.O esforço de Guga para jogar era evidente. Em vários momentos precisava encaixar o quadril, ajeitando com a mão e andando com pausas e atenção.Com este resultado, Guga voltará a figurar no ranking da ATP, do qual havia saído por ter ficado mais de 12 meses sem somar pontos. Ele também está na lista de classificação de duplas, pois ganhou uma partida da modalidade em Miami. Hoje, às 19 horas, Guga, ao lado do juvenil Tiago Fernandes, estréia na chave de duplas diante de Júlio Silva e Rogério Dutra Silva.SAMPRAS NO BRASILDono do recorde de 14 títulos de Grand Slam e apontado por muitos como o maior tenista de todos os tempos, Pete Sampras vai disputar a etapa de São Paulo do circuito de veteranos, o Tour of Champions, de 21 a 24 de maio. Sampras tem apenas 36 anos. Aposentou-se em 2002. ''Ainda gosto muito de competir e de erguer troféus'', disse Sampras durante uma videoconferência.O atual número um do mundo, Roger Federer, estreou ontem no ATP do Estoril, em Portugal, com vitória: 4/6, 6/3 e 6/2 sobre o belga Olivier Rochus.Hoje o Brasil vai conhecer o próximo rival na repescagem da Copa Davis, de 19 a 21 de setembro: Austrália, Áustria, Bélgica, Croácia, Israel, Coréia do Sul, Romênia ou Eslováquia. O sorteio vai ser na sede da ITF (Federação Internacional de Tênis), em Londres.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.