Handebol perde na estréia no Mundial

A Seleção Brasileira Feminina de Handebol teve um grande primeiro tempo, mas estreou com derrota hoje, no Mundial da Croácia. Na cidade de Split, as jogadoras do técnico Alexandre Schneider perderam da própria Croácia: 32 a 25. Amanhã, as brasileiras enfrentam a França - às 17h de Brasília, com transmissão ao vivo da ESPN Brasil. Com bom desempenho das jogadoras da Seleção Júnior convocadas para a Principal, o Brasil fechou a primeira etapa na frente: 12 a 11. Ana Amorim, de 20 anos, entrou e fez um gol. Outra novata, Millene Figueiredo, artilheira do Mundial Júnior, em agosto, na Macedônia, marcou dois. O jogo, no entanto, foi outro no segundo tempo. A armadora Chicória, artilheira do Brasil com oito gols, foi para o banco de reservas, dando lugar a Sílvia Helena. Enquanto as croatas se colocavam melhor na marcação e avançavam nos contra-ataques, a equipe brasileira se acomodava. "Tivemos muitos erros no ataque no segundo tempo, o que fez a Croácia abrir o placar", explicou Schneider. Para o jogo de amanhã, o técnico avisa que estará atento para driblar a marcação. "Analisei vídeos da França e a equipe tem uma defesa muito forte. Vou trabalhar a cabeça das meninas para superar a regularidade dessas adversárias", disse Schneider. No Mundial da Itália/2001, as francesas ficaram em quinto lugar. No outro jogo de hoje pelo Grupo A, a Austrália perdeu da Sérvia e Montenegro (41 a 18).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.