Damien Poullenot / WSL
Damien Poullenot / WSL

Havaiano Brand é 2º no qualificatório e completa bateria de Medina em Pipeline

Filipe Toledo irá enfrentar Caio Ibelli e Matt Wilkinson; Julian Wilson disputará com Tomas Hermes e Seth Moniz

Estadão Conteúdo

13 de dezembro de 2018 | 09h34

Benji Brand será um dos rivais de Gabriel Medina na primeira fase do Pipe Masters, a etapa final da temporada 2018 do Circuito Mundial de Surfe. O havaiano foi um dos dois competidores a se classificar para o evento através do qualificatório, disputado por 32 surfistas.

O australiano Ryan Callinan, ao surfar o melhor tubo da bateria decisiva, foi o grande vencedor do classificatório, com Brand se classificando em segundo lugar, indo para a sexta bateria da primeira fase. E além dele e de Medina, ela também contará com a presença do australiano Connor O´Leary.

Vencedor do qualificatório, Callinan já surpreendeu na elite do surfe nesta temporada ao ser vice-campeão da etapa francesa, em Hossegor. E por estar bem no ranking, com 9.465 pontos, herdou a vaga de Kelly Slater na sétima bateria, na qual enfrentará o compatriota Wade Carmichael e o norte-americano Griffin Colapinto.

Slater participará da primeira bateria, onde estava John John Florence, que desistiu do evento. E abrirá o Pipe Masters contra o sul-africano Jordy Smith e o português Frederico Morais.

De volta após se recuperar de lesão, Caio Ibelli estará na quarta bateria contra o também brasileiro Filipe Toledo, um dos candidatos ao título mundial, e o australiano Matt Wilkinson. Também na briga pelo título, o australiano Julian Wilson vai participar da bateria seguinte com o brasileiro Tomas Hermes e o havaiano Seth Moniz.

Líder do ranking com 56.190 pontos, Medina será campeão mundial se chegar à final. Caso perca nas semifinais, Wilson ou Filipe Toledo, ambos com 51.450, precisam do título do Pipe Masters para levar o título mundial. E se Medina cair antes disso, a presença na decisão garante o título a Wilson ou Filipe Toledo.


Confira quais serão as baterias da primeira fase do Pipe Masters:

1 - Jordy Smith (AFS) x Frederico Morais (POR) x Kelly Slater (EUA)

2 - Owen Wright (AUS) x Yago Dora (BRA) x Miguel Pupo (BRA)

3 - Italo Ferreira (BRA) x Joan Duru (FRA) x Keanu Asing (HAV)

4 - Filipe Toledo (BRA) x Matt Wilkinson (AUS) x Caio Ibelli (BRA)

5 - Julian Wilson (AUS) x Tomas Hermes (BRA) x Seth Moniz (HAV)

6 - Gabriel Medina (BRA) x Connor O’Leary (AUS) x Benji Brand (HAV)

7 - Wade Carmichael (AUS) x Griffin Colapinto (EUA) x Ryan Callinan (AUS)

8 - Kanoa Igarashi (JAP) x Sebastian Zietz (HAV) x Michael February (AFS)

9 - Michel Bourez (PYF) x Ezekiel Lau (HAV) x Ian Gouveia (BRA)

10 - Conner Coffin (EUA) x Jeremy Flores (FRA) x Jesse Mendes (BRA)

11 - Kolohe Andino (EUA) x Adrian Buchan (AUS) x Joel Parkinson (AUS)

12 - Willian Cardoso (BRA) x Michael Rodrigues (BRA) x Patrick Gudauskas (EUA)

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.