Hertha encerra jejum, vence Augsburg em casa e sobe para quinto no Alemão

Equipe da capital alemã perdeu os últimos três jogos no campeonato

Estadão Conteudo

09 de abril de 2017 | 15h18

O Hertha Berlin confirmou a sua força como mandante neste domingo ao superar o Augsburg por 2 a 0, em casa, encerrando uma série de três derrotas no Campeonato Alemão e ainda mantendo o adversário na zona de rebaixamento ao término da 28ª rodada.

Com 11 triunfos em 14 jogos como mandante no Alemão, o Hertha estaria contente se pudesse atuar sempre no Estádio Olímpico de Berlim, ainda mais que perdeu os últimos sete duelos que fez como visitante.

Neste domingo, o Hertha definiu a sua vitória ainda no primeiro tempo. Aos 12 minutos, o norte-americano John Anthony Brooks se esticou todo para desviar um passe de Valentin Stocker e superar Marwin Hitz, o goleiro do Augsburg.

Depois, aos 37, Vedad Ibisevic fez grande jogada individual, driblando dois marcadores, e lançou para Salomon Kalou, que passou para o meia suíço Stocker finalizar às redes.

Com a vitória, o Augsburg avançou ao quinto lugar, que lhe garantiria uma vaga na próxima edição da Liga Europa, e chegou aos 43 pontos, a sete do primeiro colocado Borussia Dortmund, que está em quarto lugar, com a última vaga na Liga dos Campeões, a seis rodadas do fim do Campeonato Alemão.

O Augsburg, que não vence há seis partidas, permanece em 16º lugar, posição que o levaria a disputar uma repescagem para ficar na elite contra o terceiro colocado da segunda divisão. O time tem os mesmos 29 pontos do 15º Mainz, que leva vantagem no saldo de gols. A sua vantagem para o 17º Ingolstadt é de apenas um ponto após o time vencer o terceiro jogo consecutivo - superou o lanterna Darmstadt, que soma apenas 15 pontos, por 3 a 2 neste domingo, em casa.

Tudo o que sabemos sobre:
futebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.