Hipismo: César Almeida é campeão

O fim de semana do cavaleiro César Almeida não poderia ter sido melhor. Um dia após integrar o grupo brasileiro que conquistou a medalha de ouro na Copa das Nações, ele sagrou-se neste domingo campeão do Grande Prêmio Internacional (GP), realizado na Sociedade Hípica Brasileira, na Lagoa. Ele obteve o tempo de 41´36´´, sem cometer faltas. Daniel César Khury ficou em segundo lugar, com 43?26", e Rodrigo Sarmento em terceiro (43? 94").Com o triunfo, César Almeida deu um grande passo para conquistar uma das duas vagas sul-americanas para a Copa do Mundo, que será disputado em abril, em Las Vegas, nos EUA. Ele estava radiante com a exibição. Aplaudido de pé pelo público, o cavaleiro disse que o hipismo brasileiro está "em plena ascensão" no cenário mundial."O nível está melhorando muito. Já é notório para qualquer um. Os cavaleiros estão evoluindo, juntamente com os cavalos, fruto de mais investimento e melhor criação", declarou César Almeida.Em percursos desenhados por Guilherme Nogueira, 35 conjuntos saltaram os 13 obstáculos da primeira passagem. Apenas nove conjuntos se classificaram para o desempate. Na decisão, o cavalheiro César Almeida voltou a não cometer faltas e obteve o tempo mais baixo entre os competidores, assegurando o título. "Foi incrível", repetiu por várias vezes o cavaleiro campeão.Apesar de ter ficado em terceiro lugar no GP, Sarmento assumiu a primeira colocação no ranking da seletiva Sul-Americana, que classificará dois cavaleiros para a Copa do Mundo. Antes a liderança era do cavaleiro André Miranda."Estou muito otimista e vou continuar fazendo o melhor que eu puder para representar bem o meu país" disse Sarmento, que, assim como César Almeida, foi decisivo para o Brasil conquistar a medalha de ouro na Copa das Nações. "Eu fiz uma pista lenta no desempate. E também, não quis forçar muito o meu cavalo, porque ele vem sentindo cólicas fortes desde de quarta-feira", contou.Sarmento retorna às pistas na quarta-feira para brigar pelo troféu do Concurso Agromen, em Orlândia. O cavaleiro saltará as provas de 1,25m a 1,45m com as montarias GMS New River, Tadonia, Sultan, Peter Pan e Polansky. No próximo mês, em novembro, Sarmento competirá na Argentina, na próxima seletiva para a Copa do Mundo de 2005.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.