Hipismo: vitória de Cláudia Itajahy

O primeiro dia da 30ª Copa São Paulo de Hipismo já contou com acirrada disputa entre alguns dos favoritos ao título do Grande Prêmio que será disputado no domingo. Hoje, Cláudia Itajahy garantiu a vitória com a égua Unibanco Seguros Rodobens Victoria. A amazona completou o percurso de obstáculos de 1,45 metro sem cometer faltas com o tempo de 69s96 superando a marca obtida por Vitor Alves Teixeira e o cavalo Rodofino Jolly Boy, pista sem faltas com o tempo de 70s68. O terceiro lugar foi de Pedro Paulo Lacerda, com Fanton SJ, 72s54. A emoção da prova ficou reservada ao final. Lacerda liderou quase toda a disputa com Fanton, primeiro dos dois cavalos que montou (o segundo foi Luzeiro Exponencial). Cláudia e Victor, que também competiram com duas montarias (Unibanco Seguros Rodobens Vangogh e Cactus 2, respetivamente), não conseguiram superar a marca do adversário na primeira passagem e tiveram de buscar resultado na segunda. Faltando quatro conjuntos para terminar o fim da prova, Vitor entrou na pista com Jolly Boy e assumiu a liderança, mas Cláudia saltou em seguida e garantiu o primeiro lugar. "Foi bom ter a vantagem de montar dois cavalos, porque na segunda passagem não corri alguns riscos desnecessários que assumi quando saltei na primeira vez", avaliou Cláudia. Vitor ressaltou que a pista exigia muita técnica do cavaleiro. "Na verdade, levando em consideração a presença de competidores da categoria jovens cavaleiros na disputa, a prova foi mais difícil do que eu esperava", comentou. Para Pedro Paulo Lacerda, apesar do bom nível da disputa de hoje, a competição não serve de parâmetro para apontar os favoritos para ao Grande Prêmio de domingo. Hoje também foi disputada mais uma seletiva para o Campeonato Sul-Americano de Saltos, categoria Jovens Cavaleiros, que será em agosto, na Venezuela. Rodrigo Gomes fez dobradinha. Foi o primeiro colocado com Bucareste Cata Nordeste e segundo com Space Walter Cata Nordeste. Marcelos Ramos da Silva foi o terceiro, com Oui Madame. Amanhã, as provas começam às 9 horas e a competição principal, com obstáculos de 1,45 m, às 15h30. A entrada é franca. Outra grande atração do dia será a disputa de mais uma etapa do Campeonato Paulista de Adestramento, que vale como observatória para o Campeonato Sul-Americano da modalidade, em dezembro, na capital. A prova também terá a presença de cavaleiros do Concurso Completo de Equitação (CCE). Os resultados obtidos pelos participantes pode valer como índice para o Campeonato Sul-Americano, em julho, em Minas Gerais.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.