Honda ainda não confirma Alexandre Barros

Um lado da história já está resolvido: Valentino Rossi irá pilotar para a equipe Yamaha nas duas próximas temporadas, 2004 e 2005. É oficial. Falta agora o outro. Salvo uma grande surpresa, pouco provável, Alexandre Barros deverá, da mesma forma, ser confirmado, em breve, como piloto oficial da Honda. "Valentino desejava um desafio na MotoGP e nós queremos crescer. Valentino Rossi tem talento e fará a diferença", diz Lin Jarvis, diretor da Yamaha Motor Racing. "Temos certeza de que ofereceremos a ele a oportunidade de conquistar mais títulos." Parte dos técnicos que trabalhava com o italiano na Honda transferiu-se com ele para a Yamaha. O anúncio da Yamaha, hoje, não diz respeito a Barros, ainda piloto do time. Isso porque sua contratação pela Honda, para a vaga de Rossi, depende apenas de acordo no valor a ser pago pela rescisão do compromisso. Barros está em São Paulo, recuperando-se de cirurgia para reconstituição de tendões do ombro direito.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.