Hopkins luta para ser o mais velho campeão do boxe

O pugilista norte-americano Bernard Hopkins pode bater um recorde de longevidade neste sábado, quando enfrenta o canadense Jean Pascal em Quebec, no Canadá. Se vencer, ele se tornará o mais velho campeão mundial da história do boxe, com 45 anos e 11 meses - faz aniversário no dia 15 de janeiro.

AE, Agência Estado

17 de dezembro de 2010 | 18h06

O recorde atual pertence ao também norte-americano George Foreman, que conquistou o título mundial dos pesos pesados em 1994, ao derrotar o compatriota Michael Moorer quando tinha 45 anos e 10 meses. Agora, Hopkins pode faturar o cinturão dos meio-pesados, que pertence a Jean Pascal.

Com um cartel de 51 vitórias, cinco derrotas e um empate, Hopkins já foi campeão mundial dos médios por mais de 10 anos, entre 1995 e 2005. "Isso é algo único. As pessoas terão que mudar os livros depois dessa luta", afirmou o americano, que espera entrar definitivamente para a história.

O adversário de Hopkins é o atual campeão da categoria e conta com um fator importante para vencer neste sábado: acaba de completar 28 anos de idade, uma grande diferença para o seu oponente. No currículo, o pugilista canadense soma 27 lutas, com 26 vitórias e uma derrota.

Tudo o que sabemos sobre:
boxeBernard Hopkins

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.