Hortência recebeu negativas de Janeth e Zanon

Antes da confirmação de Ênio Vecchi, a diretora do departamento feminino da CBB, Hortência Marcari, recebeu negativas de Janeth e de Luiz Augusto Zanon, técnico de Americana, para o cargo de técnico da seleção.

Amanda Romanelli, O Estado de S.Paulo

28 de dezembro de 2010 | 00h00

"Eu não poderia deixar de chamar a Janeth para o cargo. Mas ela teve o bom senso de não aceitar agora", diz Hortência, sobre o convite para a assistente-técnica, que já foi "anunciada" como treinadora do ciclo até 2016.

Já o "não" de Zanon, que fez a transição do masculino para o feminino com sucesso, foi uma surpresa, diz a dirigente. "Eu juro que não esperava e até agora não entendi direito." Zanon, que renovou contrato com Americana, alegou que a CBB oferecia um contrato a curto prazo e ele preferia não se arriscar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.