Iaaf estudará método para definir sexo de atletas

Tanto a comissão médica como a jurídica da Iaaf debaterão o assunto em suas próximas reuniões

EFE

10 de outubro de 2009 | 16h13

A Federação Internacional de Atletismo (Iaaf) estudará, a partir da próxima semana, os critérios para definir o sexo de atletas, uma iniciativa tomada após o caso da sul-africana Caster Semenya.

A atleta, que venceu os 800 metros no Campeonato Mundial de Atletismo, disputado neste ano em Berlim, foi acusada por adversárias de levar vantagem por supostamente ser hermafrodita.

Tanto a Comissão Médica como a Jurídica da Iaaf debaterão o assunto em suas próximas reuniões, e calcula-se que os estudos poderão ser concluídos em um ano, segundo o secretário-geral da entidade, Pierre Weiss.

Durante as recentes reuniões do Comite Olímpico Internacional (COI) em Copenhague, Weiss falou com seus colegas de outras federações internacionais sobre o assunto. "Perguntei se alguma delas tinha uma definição clara a respeito e eles disseram que não, mas por outro lado ninguém teve problema semelhante", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
Iaafatletismosexo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.