Ingresso para a final custa até R$ 22 mil

Cambistas tentam faturar no jogo entre Barcelona e Manchester United

, O Estadao de S.Paulo

21 de maio de 2009 | 00h00

Diz uma propaganda de cartão de crédito que certos momentos não tem preço. Não é o que se pode dizer da final da Liga dos Campeões entre Barcelona e Manchester United, quarta-feira, em Roma. Quem não conseguir comprar ingresso pelos meios oficiais - cujo preço varia de 70,00 (R$ 196,21) a 200,00 (R$ 560,60) - pode ter de desembolsar de 1.500,00 (R$ 4.204,50) a 8,2 mil (R$ 22.984,60) para adquirir uma entrada por meio de cambistas, que usam sites para negociar.Com a intenção de diminuir o risco de violência no Estádio Olímpico, o Barcelona tem apelado para seus sócios e a tecnologia. Apenas as pessoas que são associadas ao clube podem adquirir entradas para a grande final, as quais só poderão ser repassadas para um parente ou um outro sócio do time catalão. Os ingressos contém um chip para evitar falsificações.Nos times, os respectivos técnicos têm mais com o que se preocupar. No Manchester, Alex Fergusson admitiu dúvida sobre a participação na final do zagueiro Rio Ferdinand, que se recupera de uma lesão na panturrilha. Ao saber da declaração do treinador, o jogador garantiu para a torcida que estará em campo dia 27. Fergusson espera uma grande partida, uma vez que os dois times envolvidos têm muita tradição em torneios continentais.O caso de Ferdinand é semelhante aos do meia Andrés Iniesta e do atacante Thierry Henry, do Barcelona. "A recuperação vai indo bem", disse Iniesta, que sofreu uma lesão muscular na perna direita, em seu site oficial. O caso de Henry é mais sério: o francês sofreu uma contusão no ligamento cruzado do joelho direito.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.